You are currently viewing Marketing pessoal: o que é e qual é sua importância

Marketing pessoal: o que é e qual é sua importância

Seguindo a lógica comum, o marketing pessoal é também um conjunto de estratégias para serem tomadas. No entanto, esse é realizado para impactar apenas um indivíduo, geralmente a partir disso é possível exaltar ações e conhecimentos desta pessoa, a tornando autoridade naquele assunto.

Bem, depois de entender isso você deve estar se perguntando qual é a importância do marketing pessoal. Acredite, dentro do mercado essa estratégia é essencial para seu crescimento. Se é um profissional, adote o marketing pessoal para entender porque ele é tão usado.

E dizemos isso com base em uma série de fatores. O primeiro deles é o desenvolvimento da comunicação. Isso com certeza faz com que o consumidor queira, cada vez mais, conversar com seu vendedor. Assim sendo, ter um rosto central dentro de uma empresa acaba sendo tão relevante quanto possuir uma identidade visual.

Agora que tem motivos suficientes para conhecer mais sobre essa ferramenta, vamos mostrar tudo que precisa saber sobre ela! Acompanhe as principais informações ao longo do texto.

marketing-pessoal

Primeiramente, o que é?

Bem, é claro que devemos começar por aqui! Foi dito acima que essa é uma maneira de aumentar positivamente a imagem de alguém. Mas esse conceito é apenas um resultado, a verdade é que tudo vai muito além. Esse é um conjunto de estratégia, portanto, é um pouco mais complexo.

No final, é claro, seu único objetivo é estabelecer uma percepção positiva de alguém. Isso fará com que a pessoa possa ser considerada uma autoridade no assunto. É claro, é muito importante que a pessoa de fato conheça sobre aquele assunto para conseguir manter tudo corretamente.

É um gerenciamento da imagem. Também é muito útil quando o assunto é criar visibilidade para a empresa, em suma, ela é a representação física da marca. É interessante também porque você consegue criar essa imagem em diferentes ambientes.

Ou seja, mesmo que seu empreendimento seja algo bem pessoal, é possível aplicar as mesmas estratégias para obter um bom resultado.

E por que ele é importante

Claro, ele não é importante apenas por gerenciar uma imagem para o público. A ideia desse tipo de marketing é ir além. A maioria das consequências estão envolvidas com o desenvolvimento de negócios e carreiras. Por isso, são úteis para profissionais, pequenos negócios, médios e até grandes.

Se você é uma pessoa que gosta de saber do mundo corporativo, provavelmente já ouviu falar de alguém que era referência em certa área. Em caso de empresas, é importante que o CEO tenha tal capacitação. Afinal de contas, ele também é o rosto da empresa.

Nesse caso, as pessoas podem criar diferentes estratégias para obter o crescimento pessoal. Uma delas, por exemplo, é criar um livro. O sucesso do empreendimento também auxilia no crescimento da imagem pessoal.

Devo fazer marketing pessoal

Aqui iremos mostrar alguns dos motivos para que realize o marketing pessoal. Existem muitas razões para que comece com isso, veja se estão de acordo com seu objetivo e inicie sua estratégia!

Ajuda na divulgação de seu trabalho

Apesar de ser simples, a divulgação de seu trabalho é muito importante. Ela pode ser realizada a partir do marketing pessoal de muitas formas. Ao escrever um livro, como dito acima, estará alcançando mais pessoas. Falando de seu trabalho pode deixá-las ainda mais envolvidas.

Isso fará com que tenha mais visibilidade, é claro. Mais clientes podem estar preparados para conhecer seus produtos. Assim terá oportunidades diferentes, até mesmo com outro público.

Isso funciona no caso de profissionais autônomos também. A ideia é divulgar seu trabalho, portanto, faça as estratégias corretas com base em seu nicho.

Construindo autoridade

Outro ponto positivo é a construção da autoridade. Caso não saiba, essa é uma ferramenta utilizada por pequenas e grandes empresas com o objetivo de alcançar o consumidor com muita facilidade. Aumentar sua relevância no mercado fará com que as pessoas tenham mais atenção a você.

Quando você se mostra um especialista em determinada área, o público começa a procurar você para tirar dúvidas, entender processos e afins. Isso é muito útil quando, por exemplo, quer fidelizar um cliente.

Além disso, essa ação é perfeita para aumentar a confiança do público em seu produto. Não é necessário nada muito extenso para conseguir o resultado desejado. Criando uma boa rede de relacionamentos chegará a um resultado próspero.

Alavanca a carreira

Essa é uma consequência considerada óbvia também. Imaginando que deseja construir seu nome de maneira firme no mercado, é claro que a autoridade será útil para que alavanque sua carreira. Naturalmente, para profissionais, o marketing pessoal é muito útil nesse momento.

Ele oferece uma série de facilidades quando o assunto é o crescimento pessoal na carreira. Essa é uma das vantagens de fazer marketing pessoal, mesmo sendo um profissional de certa empresa. Isso pode até mesmo ajudar para que suba de cargos.

Pois é! Assim você pode conseguir uma promoção. Isso porque com a estratégia certa é possível até mesmo chegar no seu chefe.

Sobre a redução do ciclo de vendas

Essa é outra vantagem, mas deve ser entendida com uma atenção extra. Sabemos que quanto maior é o ciclo de venda de uma empresa, maiores são os gastos. Até porque muitas vezes é fundamental ter uma estratégia longa para conseguir convencer o cliente.

Bem, muitas empresas utilizam estratégias bem feitas, mas esquecem de fazer um bom marketing pessoal. Essa talvez seja a ferramenta auxiliar que mais conquista o público. Se a pessoa sabe que está comprando um produto com alguém confiável, ela se sente mais tranquila em realizar a aquisição, certo?

Assim funciona com o marketing pessoal. Há uma pessoa que é reconhecida por seus trabalhos ou por seus produtos e você pode comprar dela! Se você fazia funil de vendas, com essa ação poderá diminuir o número de etapas em um nível muito maior.

A cartilha de clientes aumenta

Por fim, queremos destacar esse fator. Quando estamos utilizando o marketing pessoal, estamos criando uma relação de confiança com o mercado. Assim, é bem provável que muitos clientes venham em busca de suas soluções, muitos consumidores acham melhor encontrar alguém com conhecimento para comprar.

Isso poderá ficar ainda melhor se estas pessoas estão relacionadas aos produtos que vende ou seus serviços. Por esse motivo, esse é um dos principais recursos na hora de realizar uma prospecção passiva.

Como fazer marketing pessoal?

Bem, agora que já sabe sua importância e também o que ganhará com ele, está na hora de aplicar sua estratégia. Mas como começar?

Abaixo iremos oferecer 4 dicas que podem ajudar no seu início! Preste atenção nelas porque podem ser úteis no futuro também!

Comece estabelecendo sua presença

Sabemos a importância da presença digital, mas é ainda mais importante saber por onde começar.

A maioria das pessoas, atualmente, cria uma presença digital. Imagine, por exemplo, que você conhece alguém de uma grande empresa perto de onde você mora. Aquela pessoa que conversa bem e oferece opções para você.

Logo é possível ficar mais tranquilo ao comprar. Assim pode acontecer na internet também, caso tenha uma presença na web. Criar um site, por exemplo, estará dando oportunidades para que muitas outras pessoas conheçam mais sobre você e sobre seu trabalho.

Redes sociais e outros recursos também entram nessa lista.

Agora é a hora de criar uma identidade

Nesse caso, não estamos falando da identidade visual da empresa, mas a pessoal. Geralmente uma assinatura. Ela servirá para que reconheçam seu trabalho ou suas dicas, por exemplo.

Essa identidade é construída a partir de uma série de fatores. O rosto, a voz, a apresentação e muito mais ajuda para que se crie uma apresentação pessoal mais ampla e bem direcionada para o cliente.

Depois disso, basta ter uma boa oratória e trabalhar com com suas habilidades sociais. Seu objetivo é alcançar um público, precisa criar uma boa ponte entre eles e você!

Networking sempre ajuda

Acreditamos que essa seja a ferramenta mais completa do mercado. O recurso que mais ajuda empresas e funcionários. Realizar um networking pode ajudar de tantas maneiras que muitos até desconhecem a totalidade. E, sim, ele pode ajudar na construção de um marketing pessoal.

O motivo é um pouco óbvio, não acha? Estará criando uma rede de comunicação mais densa. Essa é a base do marketing pessoal, afinal. Uma expansão do networking ajudará para que cresça significativamente no mercado.

Tanto online como offline é possível fazer isso. No mercado atual, com tanta competição, é importante ter presença dentro e fora da rede.

Conteúdo de alto valor

Claro, se deseja crescer nesse mercado, precisa criar algo que chame atenção. Muitos acreditam na promessa do conteúdo. Na verdade, a produção de conteúdo para web é uma das ferramentas mais utilizadas para o crescimento pessoal do profissional.

Isso porque ela é barata e muito efetiva. Um texto, em um blog, por exemplo, é eficiente para diversos nichos. Por outro lado, o marketing do local que realizou tal publicação é fundamental também.

De toda forma, além disso, poderá contar com vídeos, áudios, escrita de livros e muito mais!

Conclusão

Bem, aqui passamos tudo que precisava saber sobre marketing pessoal. Agora está pronto para começar a aplicar a estratégia, seja para seu crescimento pessoal ou até mesmo da sua equipe ou empresa.

A ideia de desenvolver um empreendimento a partir disso é muito eficiente. Principalmente porque é forte no mercado atualmente. A imagem de uma pessoa sendo mostrada como referência em qualquer área é com certeza muito útil.

O valor de mercado do produto pode subir com isso, assim como o volume de busca pelo mesmo. Por fim, é fundamental saber lidar com esse crescimento!

Você pode se interessar também por: Como funciona uma mentoria de carreira

Deixe um comentário