You are currently viewing Recrutadores despreparados, o mal para sua empresa

Recrutadores despreparados, o mal para sua empresa

Durante um processo de seleção para novos funcionários, é importante que você tenha uma equipe de recrutadores bem organizada, afinal recrutadores despreparados é sinônimo de prejuízo.

Eles são muito importantes para mostrar ao colaborador como a empresa trabalha, além de destacar os principais entrevistados. Assim, é muito mais fácil conseguir oferecer uma boa vaga.

De fato, quando os profissionais que desejam contratar são despreparados, há um grande problema.

Mas esse problema pode ser ainda maior quando aqueles que não tem preparação são os recrutadores. Afinal, tudo começa por eles, certo?

Neste momento não pode existir erros. O processo de seleção, além de bem realizado, deve ser feito por alguém que consiga identificar as necessidades da empresa.

Também é muito importante que ele saiba exatamente os tipos de profissionais que existem no ramo e consiga identificar seus perfis.

Com isso, acreditamos que é muito importante receber algumas dicas. É claro, não apenas os recrutadores devem fazer um bom trabalho nesse momento, mas toda a parte de recrutamento.

Por isso, ter uma equipe de profissionais qualificada e focada naquilo que se deve fazer é fundamental.

Recrutadores-despreparados

Entendendo o outro lado

Primeiramente, quando falamos de seleção, sabemos que o processo nem sempre é tão rápido.

Há muitos pontos para considerar, como por exemplo, a natureza de alguns processos. Os candidatos podem até mesmo desistir de uma vaga quando há muitas ações que devem ser tomadas.

Isso fica ainda mais pesado com recrutadores despreparados não sabem lidar com isso! Há muitos que não demonstram nenhum interesse no candidato logo de cara e isso gera uma certa frustração. Também é importante que esse mesmo recrutador tenha o que falar da empresa.

Somente assim boas informações podem ser passadas. Há menos peso nisso! O candidato se sente mais tranquilo ao saber que há uma boa interação entre o negócio e todos os funcionários que ali estão.

Bem, mas essa é apenas a parte superficial. Há, de fato, alguns erros que os recrutadores despreparados cometem que deixam os candidatos irritados. Vamos ver eles a seguir.

Recrutadores despreparados

Os recrutadores despreparados podem causar prejuízos financeiro para a empresa, abaixo separamos algumas situações para que você consiga identificar quando um recrutador está deixando a desejar.

Falta de retorno

Começamos por algo que já foi mencionado acima. Um processo seletivo pode ser bastante cansativo.

É bom encontrar empresas que não trabalhem com falsas expectativas durante essa etapa.

A falta de retorno se torna um grande problema, isso aborrece o candidato e cria desmotivação.

Alguns recrutadores, no entanto, relatam que essa falta de comunicação é fruto da desorganização da empresa. O negócio pode não passar o real motivo pelo qual aquele processo não aconteceu.

E, de fato, nesses casos, além da grande dor de cabeça para os funcionários, há também um problema grande para os candidatos.

Criando falsas expectativas

Sim, os recrutadores despreparados dão falsas esperanças. Esse é um problema que pode acontecer até mesmo antes da seleção. Sabe aqueles anúncios de jornais com vagas de empregos com alto salário?

Daí, você se anima, começa seu recrutamento, mas no final descobre que o salário não era tão alto assim.

A verdade é que isso não seria um grande problema se não ocasiona uma perda de tempo enorme. Um processo com 3 fases pode durar até 1 mês!

Passar esse tempo sem um emprego e descobrir que aquele que estava buscando não era “tudo isso”, gera um grande desconforto.

Por isso, as empresas precisam ser mais transparentes e passar as informações corretas para os recrutadores. Geralmente, se há um erro nesse tipo de ação é por conta da falta de comunicação entre as duas partes.

Formalidade demais!

Apesar de muitos não falarem desse problema, um recrutador que é muito formal, pode deixar um clima estranho no ar.

Isso porque utilizar esse tom acaba intimidando o profissional. A não ser que esse seja um teste, manter esse tipo de comunicação é um problema dos grandes.

Naturalmente, isso pode ter relação com a forma de comunicação do entrevistador. Até porque, se ele está despreparado e deseja “mostrar serviço” ele pode acabar mostrando um lado de forma exagerado.

Por esse motivo, até mesmo os recrutadores devem passar por um processo de aprimoramento. Saber o que falar, as perguntas que devem ser feitas e muito mais!

Interrompendo o candidato

Quando o candidato fala demais, há um problema. Afinal, durante uma entrevista, se deseja o máximo de transparência possível, respostas diretas.

Porém, isso pode ser ainda mais grave quando o entrevistador interrompe com frequência. Escutar em qualquer processo de seleção é fundamental.

Se apenas há perguntas bem feitas, o resultado é incerto. Agora, escutando é que você conhece mais sobre o funcionário que está contratando.

E não apenas isso, observando gestos e ações durante a entrevista.

Se o candidato é interrompido demais, a falha de comunicação pode tornar aquele momento pesado para ambos os lados.

Porém, é possível pedir a licença com facilidade. Faça seu recrutador utilizar frases como “por falar nisso”, “já que tocou nesse assunto”.

O importante é que ambos estejam confortáveis!

O entrevistador julga o candidato

Um problema que pode gerar um desconforto enorme. O entrevistador não deve julgar o candidato nunca. Ele deve ser ouvinte e avaliador, apenas.

Quando há julgamentos do tipo depreciativo, é claro que o profissional, por mais qualificado que seja, não irá gostar e provavelmente desistirá das vagas.

Isso acontece bastante quando o entrevistado começa a falar sobre suas experiências de trabalho. O recrutador nunca deve levar para o lado pessoal.

Lembre-se que o que se busca é um bom profissional, alguém que seja produtivo e deseje crescer juntamente com a marca.

Ele se atrasa para entrevista

Os recrutadores despreparados podem se atrasar, e isso é ruim, afinal a empresa é séria e a pontualidade precisa ser algo primordial.

O atraso pode até acontecer, mas é irritante, não dá para negar. Apesar da maioria das pessoas que está em um processo não se preocupar tanto com isso, há recrutadores que esperam até 1 hora para chegar no local.

Esse atraso pode sim ser comprometedor. Afinal de contas, ele também é um funcionário da empresa e precisa manter seus horários!

Caso ele não faça isso, a visão que o participante do processo terá é que seu negócio não trabalha com tanta “firmeza” a questão do horário.

Evite isso ao máximo. Encontre pessoas preparadas para lidar com determinados horários. Isso com certeza deixa a empresa com melhores olhares na opinião dos entrevistados.

E o que o recrutador deve fazer

Bem, depois disso tudo, você deve estar se perguntando quais as melhores ações para serem tomadas por parte dos recrutadores.

No geral, eles podem fazer muito, mas precisam ser qualificados para isso.

O motivo para que os processos seletivos mudem de empresa para empresa é porque cada uma apresenta um perfil único.

Durante uma entrevista, o recrutador deve saber mostrar esse perfil e com o que o profissional irá trabalhar.

Há muitas pessoas interessadas em cargos e muitas apenas em dinheiro. Em nenhum caso há erro. O profissional deve demonstrar interesse no crescimento pessoal para assim conseguir evoluir com o negócio.

Dessa forma, um bom recrutador deve saber avaliar este e outros fatores que veremos agora mesmo!

Avaliação corporal

Geralmente essa ação é feita por aqueles mais experientes. Em determinados casos, é possível notar a falta de interesse de alguns candidatos a partir da sua linguagem corporal. Alguns estão ali apenas porque já começaram o processo e desejam chegar a um bom salário.

Porém, em qualquer empresa, a vontade de trabalhar é que pesa mais! Se o entrevistador percebe que aquele candidato não está buscando um crescimento pessoal, ele pode facilmente deixar de lado.

Mas, é importante dizer também que a entrevista deve acontecer. Não é possível saber as intenções completas de alguém apenas por conta de sua linguagem corporal. Lembre-se, não julgar os candidatos é extremamente importante!

Linguagem 

A comunicação é sempre a melhor maneira de avaliar. Não estamos aqui falando sobre como utilizar uma linguagem formal, afinal, isso quase sempre não é útil durante uma entrevista.

Estamos falando da maneira como o entrevistado fala com o recrutador. Além disso, é possível notar com facilidade se ele leva certa “transparência nas palavras”.

O ideal é que ele passe isso. No entanto, o recrutador também precisa saber o que é mais importante naquele momento.

Não chegar a assuntos comprometedores. É importante tratar da questão profissional e nunca levar para o pessoal.

Projeção para o futuro

Claro! Aqui não é uma questão pessoal, acredite. O recrutador deve saber exatamente o que o candidato deseja para o futuro? Não! Ele precisa entender que aquela pessoa deseja algo e está em busca.

A ideia de projeção é tão importante para empresas como para funcionários. Apenas com o crescimento deles é possível que o negócio se desenvolva. Para evitar contratar e despedir, peça para seu recrutador realizar um teste.

Geralmente, aqueles profissionais que desejam um crescimento na área, aparentam mais interesse nas ações que fará dentro da empresa. Porém, há casos em que o dinheiro pode ajudar a definir. Afinal, o futuro é também uma ambição!

Encontrar o perfil ideal

Isso pode demorar. Imagine que sua empresa deseja contratar um profissional da área de TI. Sabemos que esse é um setor muito importante e que quase todas as modalidades de negócios estão tratando de inserir profissionais do gênero no negócio.

Há apenas uma vaga e 20 candidatos. Escolher o melhor pode ser um desafio enorme. É preciso utilizar critérios de qualificação. Comprometimento, conhecimento na área e também possibilidade de interagir bem com o perfil da empresa.

Bons funcionários são criados a partir de uma boa interação entre a totalidade. Se há isso, a possibilidade de a escolha ser correta é maior ainda.

Conclusão

Com visto aqui, bons recrutadores podem gerar uma eficiência produtiva maior na empresa, assim como os recrutadores despreparados podem causar prejuízo! Todo o processo de contratação é realizado com base nesses profissionais e por isso são tão importantes.

Faça treinamentos para evitar possíveis erros.

Você pode interessar também – Como fazer uma entrevista de emprego

 

Deixe um comentário